Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.

November 12 2013

13:39

Syd Barret, pintor

Syd+Barrett+SydHillsRd64Painting

A outra face da lenda.

Syd Barret era e é foda. Mergulhou no LSD como poucos na época (ou seja…) e colaborou muito para o Pink Floyd virar o que virou, mesmo saindo meio cedo do grupo, em 1968. Depois fritou e andava com uma escova de dentes na mão por ali e aqui e virou jardineiro. Nada contra, claro. Mas além de músico lendário, na maioria dos lugares que falam dele, ele é tido também como pintor.  O Crazy Diamond tem uns trampos bem bons.

big_03 (1)

big_03

big_07  big_08 (1)

big_08  big_14

Veja todos os trabalhos dele em seu site.

October 07 2013

18:00

Testando a própria habilidade

Eloy-Morales-painting7

Enquanto a maioria de nós vai continuar perguntando: Gente, qual a necessidade disso?, para algumas pessoas a arte é um lance matemático, de observação e perfeita reprodução. A necessidade disso é a mesma de todos os artistas, até dos mais malucos e abstratos: se expressar.

Eloy-Morales-painting3

Já tivemos por aqui ao londo dos anos uma série de discussões acerca do Hiperrealismo. E provavelmente vamos voltar a ela nos comentários desse post. Mas enquanto a gente discute a rebimboca da parafuseta, vamos dar uma olhada no trabalho de pintura desse cara chamado Eloy Morales.

Eloy-Morales-painting5

Ele faz auto-retratos, em superfícies gigantes, e parece considerar cada pintura como um teste de suas habilidades. Morales é conhecido por escrever notas para si mesmo antes de começar uma pintura, como metas, para atender o que ele acha não rolou em um trabalho anterior.

Eloy-Morales-painting2

Morales conta: “Eu estou interessado em trabalhar com a realidade através da utilização de códigos pictóricos, já entendendo que é uma relação falsa, e eu sempre tenho em mente que a pintura é uma expressão independente. Encontrar um ponto de encontro que representa verdadeiramente a minha visão, me faz continuar na pintura.”

Eloy-Morales-painting4

Eloy-Morales-painting6

Mas a gente vai continuar perguntando:

gente-qual-a-necessidade-disso

| via

May 22 2013

00:51

Modelo de obra prima

jane

É sempre curioso ver os modelos que inspiraram grandes obras de arte. Não só para ver a cara de verdade de quem está por trás da pintura, mas também para ver o quão interpretativa é a visão do artista sobre a imagem original. Aqui embaixo, a história de diversos modelos que inspiraram obras-primas.

henri-de-toulouse-lautrec-poster-for-performances-of-jane-avril-at-the-jardin-de-paris-1893-detail

›› Toulouse-Lautrec + Jane Avril (aqui no topo do post)

A dançarina Jane Avril  era uma estrela do Moulin Rouge quando se tornou a maior musa de Henri de Toulouse-Lautrec. Ela apareceu em vários de seus deslumbrantes cartazes, apesar de não se tratar de uma beleza convencional, muitas vezes aparecendo bastante nervosa ou melancólica. Lautrec foi criticado por retratar seus modelos de forma cruel, mas talvez seja mais justo sugerir que ele prestou homenagens francas e sinceras a eles. O pintor ajudou a elevá-la ao status de ícone em seu cartaz de 1893, para sua performance Jardin de Paris.

americangothic

›› Grant Wood, “American Gothic”

Os modelos do mais famoso quadro de Grant Wood foram sua irmã e seu dentista. O artista os caracterizou como as pessoas que ele imaginava viver na casa ao fundo, com arquitetura gótica, e que deu nome à obra. Fizemos uma matéria super completa sobre tudo sobre essa pintura, que você pode ver aqui.

gerti1

›› Egon Schiele + Gerti Schiele

O pintor austríaco compartilhou uma relação desconfortavelmente próxima com a sua irmã mais nova, Gertrude. Ela apareceu em várias de suas pinturas e desenhos – nua e vestida.

picasso

›› Picasso + Sylvette

Lydia Sylvette David também é uma artista, mas talvez seja mais conhecida como uma das musas de Picasso. Ela conheceu o pintor espanhol em 1953, quando ambos moravam em Vallauris, e posou para mais de 40 pinturas, desenhos, e outros estudos do mestre. O estilo marcante da garota com o rabo-de-cavalo loiro foi mais tarde adotado pela atriz francesa Brigitte Bardot.

cezanne

›› Paul Cézanne, “O Banhista”

Usar uma fotografia como referência ao invés de um modelo vivo era uma técnica pouco ortodoxa em meados do século XIX. Mas foi exatamente o que Cézanne fez na sua pintura, O Banhista, o que lhe concedeu tempo para explorar novos estilos de pintura que pairavam sobre a captura de um clima mais psicológico. Ele sempre pediu a família, aos agricultores locais, crianças e seu negociante de arte para que posassem para ele, e por isso é seguro assumir que este senhor era alguém que Cézanne conhecia de seu cotidiano.

gaug

›› Paul Gauguin, “Duas Mulheres / Mãe e Filha”

Paul Gauguin escapou das convenções da sociedade européia e fugiu para a Polinésia Francesa em 1891. Lá, ele conheceu Henri Lemasson, cujas fotografias de moradores locais tornaram-se inspiração para várias de suas pinturas, incluindo o quadro Mãe e Filha (1901/1902).

5702138358_2760bf1ed4_z

›› Gustav Klimt + Adele Bloch-Bauer

A modelo, musa e amante de Gustav Klimt, Adele Bloch-Bauer foi retratada em várias pinturas do artista, dentre elas, Judite e a Cabeça de Holofernes , de 1901, que está em exposição na Galeria Výtvarného Umění em Ostrava, na República Checa.

Klimt 17 web

›› Gustav Klimt + Emilie Flöge

Muito mais que musa de Klimt, Emilie Flöge estabeleceu-se como uma mulher de negócios completamente independente em 1895, uma raridade em um tempo em que as mulheres eram reprimidas e dependentes dos homens. Ela abriu uma casa de alta costura em Viena chamado Flöge Schwestern, que foi extremamente bem sucedida por mais de 30 anos. Klimt foi um de seus colaboradores, desenhando vários padrões de estampas para os vestidos da loja de Adele, refletindo seus laços com o Simbolismo

 

ruby

›› Norman Rockwell, “O problema com que todos convivemos”

O quadro chamado O problema com que todos convivemos comemorou a caminhada histórica feita garotinha negra de 6 anos de idade, Ruby Bridges, a primeira a frequentar uma escola de brancos. A modelo de Rockwell, Lynda Gunn, era neta de um amigo de sua família. Ela posou para a obra ao longo de cinco dias, a eventualmente era acompanhado por um chefe de polícia e três US Marshals de Boston. “Ser um modelo de Norman Rockwell, ainda mais representando Ruby Bridges, é uma grande honra”, disse Gunn depois de sua experiência. Tem outro post aqui cheio de fotos que foram usadas como referência para Rockwell.

ballerina_art

›› Edgar Degas e as Bailarinas 

Nem todo mundo sabe que no final de sua carreira o pintor Edgar Degas se tornou fotógrafo, e usou várias de suas fotos como referência para as suas pinceladas. Ele compartilhou as imagens raras com um pequeno círculo de amigos íntimos e colegas artistas, e apenas algumas dezenas sobreviveram até hoje.

van1van

›› Van Gogh e a sua mãe

Depois de se instalar em sua casa em Arles, Vincent van Gogh queria criar uma série de retratos de sua família. Para homenagear sua mãe, Anna Carbentus, que também era artista, ele usou uma foto em preto e branco como referência.. “Estou fazendo um retrato da mamãe para mim”, ele escreveu a seu irmão Theo. “Eu não posso suportar a fotografia incolor, e eu estou tentando fazer um em uma harmonia de cores, como eu a vejo em minha memória.” Já fizemos por aqui um post dedicado às mães de pintores ilustres. 

room

›› Balthus + Frédérique Tison

Esta fotografia foi tirada em 1956, depois que Balthus pintou o que muitos consideram a sua maior obra-prima, O Quarto. A modelo da foto é a sua sobrinha, Frédérique Tison, que apareceu em várias outras obras modernistas controversas. O artista viveu com Tison (tire suas próprias conclusões sobre o relacionamento deles) no château de Chassy.

eakins

›› Thomas Eakins, The Swimming Hole

A obra-prima de Thomas Eakins  homenageia seus amigos, alunos, mas o nu masculino causou certo rebuliço nos círculos de arte da época. The Swimming Hole foi baseado em uma série de fotos Eakins fez no Lago Dove Lake, perto da Filadélfia, em 1883.

 

January 19 2010

14:09

Yerkaland

Yerkaland é o fólio do artista Jacek Yerka.

Suas ilustrações são fantásticas e totalmente fantasiosas, daria pra ficar horas em cada pintura reparanto nos pequenos detalhes.

Yerka tem em seu portfólio de trabalhos pessoais à capas de livros e posters a venda.

www.yerkaland.com ou  www.yerka.pl

Tags: artista, fantasia, ilustração, pintor, pintura, poster, Yerka, Yerkaland

Posts relacionados

November 21 2009

20:16

No risco do traço * Mateu Velasco

mkt_expo

Acompanho o trabalho do Mateu há algum tempo e pra quem está no Rio é uma grande oportunidade de ver as pinturas desse grande artista ao vivo. Até dia 5.12 no Shopping Cassino Atlântico.

Para conhecer mais o trabalho dele.

Tags: exposição, Mateu Velasco, No risco do traço, painting, pintor, pintura, rio de janeiro

Posts relacionados

Older posts are this way If this message doesn't go away, click anywhere on the page to continue loading posts.
Could not load more posts
Maybe Soup is currently being updated? I'll try again automatically in a few seconds...
Just a second, loading more posts...
You've reached the end.

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl